Cetur-RJ envia pleitos ao poder público para o desenvolvimento do Turismo fluminense

AddToAny buttons

Compartilhe
25 A 26 nov 19
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
Presidente da Fecomércio-RJ conduz reunião do Cetur-RJ que definiu pleitos da cadeia produtiva do turismo no Estado
Presidente da Fecomércio-RJ conduz reunião do Cetur-RJ que definiu pleitos da cadeia produtiva do turismo no Estado
Crédito
Divulgação

25/11/2019

A Fecomércio-RJ realizou, no dia 19 de novembro, a última reunião do ano do seu Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade (Cetur-RJ), que reúne os principais representantes da cadeia produtiva do turismo fluminense. O fórum debateu e identificou os principais gargalos ao crescimento sustentável do turismo no Estado do Rio de Janeiro, alinhou iniciativas e ações para fortalecer as atividades turísticas nas principais regiões fluminenses. A reunião foi realizada na sede Fecomércio-RJ.

As entidades assinaram um documento que será encaminhado ao Governador, à Alerj, ao Prefeito da capital fluminense e à Câmara Municipal destacando pleitos do setor relacionados à segurança pública, reordenamento urbano, desburocratização da legislação, criação de leis de incentivo, transporte, promoção turística, fortalecimento da malha aérea, entre outros.

O presidente da Fecomércio-RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior, presidiu a reunião acompanhado das Diretoras Regionais do Sesc-RJ, Regina Pinho, e do Senac-RJ, Ana Claudia Martins. “O Cetur da Fecomércio-RJ tem o objetivo de compartilhar a agenda em andamento, identificar as sinergias e otimizar as ações capitaneadas pelos diversos setores produtivos para juntos alcançarmos melhores resultados para o turismo fluminense”, destacou Queiroz.

A pauta incluiu questões estratégicas, como a desburocratização dos processos para a realização de grandes eventos no Estado do Rio; alinhamento entre os promotores de grandes eventos e a rede hoteleira viabilizando estadias mais longas dos visitantes; aproximação dos gestores dos principais modais do Rio (Aeroportos, Metrô, Trens, Rodoviária e VLT); intensificação de ações turísticas que valorizem os roteiros gastronômicos.

O presidente da Associação de Promotores de Eventos do Setor de Entretenimento e Afins (Apresenta Rio), Pedro Guimarães, realizou breve palestra sobre as barreiras para o crescimento dos eventos e opções de entretenimento. O Diretor do Rio Convention & Visitors Bureau, Phillipe Campelo, apresentou dados sobre a evolução das captações de eventos técnico-científicos para a próxima década e as estratégias em processo nos mercados concorrentes. Também estiveram presentes o presidente da Abav-RJ, Luiz Strauss; a diretora Abeoc-RJ, Ilda Brito; o presidente da ACTA, Fabio Nascimento; o presidente da Anttur, Martinho Ferreira Moura; o presidente do SindRio, Fernando Blower; o presidente da FBHA e Diretor da CNC, Alexandre Sampaio; o presidente da Bito, Salvador Constantino Saladino; a presidente do Rio Convention & Visitors Bureau, Sonia Chami; o presidente da Federação de Conventions & Visitors Bureaux do estado do Rio de Janeiro, Marco Antonio Navega; o presidente da Associação Brasileira de Trens Turísticos e Culturais, Sávio Neves; o diretor do Polo Novo Rio Antigo, Plinio Froes; e o gerente operacional da ABIH-RJ, Julio Correa.